Rita Dove (1952 - ).

TRANS-

Trabalho muito e vivo menos do que poderia, mas a lua é bela e as estrelas, azuis . . . . Vivo a música castiça de meu coração.
—Garcia Lorca para Emilia Llanos Medinor,
25 de novembro de 1920
A lua
não sabe se é
homem ou mulher.

Houveram rumores,
todo tipo de alegações,
reivindicações e mentiras:

Ele é beligerante. Ela, temerosa.
Quando ele cai, o mundo vacila.
Quando ela cresce, o crime aflora.

Ó como oscilam os impulsos operáticos!
Mergulhe fundo, meu bem, na piscina vazia.

§

TRANS-

I work a lot and live far less than I could, but the moon is beautiful and there are blue stars . . . . I live the chaste song of my heart. 
—Garcia Lorca to Emilia Llanos Medinor,
November 25, 1920

The moon is in doubt
over whether to be
a man or a woman.

There’ve been rumors,
all manner of allegations,
bold claims and public lies: 

He’s belligerent. She’s in a funk.
When he fades, the world teeters.
When she burgeons, crime blossoms.

O how the operatic impulse wavers!
Dip deep, my darling, into the blank pool.

Comentários